segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

Lingua Portuguesa


Explique a seguinte afirmação, desenvolvendo conceitos como norma, comunidade linguística e variação linguística:
Apesar de todas as variações que uma língua pode apresentar, não deixa de haver uma curta unidade, que permite que qualquer falante de uma determinada língua seja compreendida por outro falante dessa mesma língua.


Para entrar naquilo que é a essência deste trabalho, torna-se imprescindível conhecer o conceito de norma, variação linguística e comunidade linguística, por isso, de uma forma breve optei por definir esses três termos, enquanto a norma é um conjunto de modelos que actua sobre a comunidade e variedade linguística, a comunidade linguística é aquela cujos os membros participam pelo menos de uma variedade e das normas para o seu uso adequado e, a variedade linguística é uma forma que difere de outras formas da linguagem sistemática. Entrando naquilo que é a essência deste trabalho podemos assim dizer que apesar das variações que a língua sofre dependendo de comunidades existe sempre um conjunto de modelos que as controla. A língua sofre diversas variações, quando se detectam diferenças na forma de falar entre regiões estamos perante variação diatópica, variação diastrática tem haver com as diferenças das camadas sociais enquanto que variação diafásica se usa em situações de comunicação, todas essas mudanças depende de comunidade para comunidade mas é controlada por um conjunto de princípios.
Em suma existe uma relação de dependência entre esses três conceitos, a norma actua sobre comunidade e variação linguística e por outro lado tanto a comunidade linguistica como variação linguistica dão sentido a norma.

Realizado por: Lenine Vieira Rocha












Sem comentários: